Acolher, conviver e aprender.

Escrito por Adriana Francatto e Cleber Teodoro P. da Silva
Mais um ano letivo se inicia… um novo começo, uma nova etapa a ser percorrida…

Novas histórias, novas experiências… Novas emoções!
Aqui, no Colégio Santa Maria, pensamos em várias atividades de acolhimento para que o aluno sinta-se querido, respeitado e desenvolva suas potencialidades com alegria.

As atividades, brincadeiras e jogos foram elaborados de maneira interdisciplinar com o objetivo de fazer um diagnóstico da aprendizagem de cada aluno e também de socializar e desenvolver o relacionamento interpessoal entre eles.image002

Os alunos foram se apresentando corporalmente através de uma brincadeira com bambolês. Esta brincadeira trabalhou a divisão dos nomes em sílabas, colaborando no diagnóstico elaborado por Língua Portuguesa.

Em seguida, escutamos atentamente a canção Vambora, da Palavra Cantada e alguns questionamentos foram levantados pela professora, como:

O compositor fala de uma viagem nesta canção. Onde ele foi passear? O que viu pelo caminho? Como ele foi?

Os alunos selecionaram sons e movimentos corporais que apareciam na canção e que respondiam às questões acima e, em seguida, reproduziram os movimentos e os sons da canção usando os bambolês como carros, integrando com Educação Física, que também aborda a movimentação no espaço de diferentes formas.

Pensando nessa aprendizagem interdisciplinar, nas primeiras aulas de Educação Física com os alunos do 2º ano, utilizamos de algumas brincadeiras de roda cantada onde os movimentos de reconhecimento das partes de seu corpo foram evidenciados através do ritmo, da musicalidade, do equilíbrio, da localização espacial, da linguagem oral, memória. Por ser uma atividade de acolhimento realizada de forma coletiva foi buscado desenvolver o sentimento de pertencimento das crianças, isso foi relatado no depoimento de alguns alunos dos alunos – Beatriz 2º ano D – “estou gostando muito das aulas do 2º ano, pois além de fazer novos amigos, quando a gente brinca junto podemos aprender mais. – Lucca 2º ano D – Esta sendo divertido e bem legal, porque estou aprendendo coisas que eu não sabia e eu gosto muito de aprender coisas novas. Eu gostei muita minha turma”.

image003Gabriela 2º D – “eu desejo ter um ano feliz como eu estou agora nos primeiros dias de aula”.

Utilizando-se da linguagem oral, corporal e musical, nas semanas iniciais o foco foi envolver os alunos em atividades corporais e lúdicas criando convivências harmoniosas, colaborando para que adquirissem autoconfiança, melhorando sua autoestima.

Sendo assim, dentro desse espaço lúdico educativo o aluno terá maiores possibilidades de se desenvolver e expressar nas diferentes linguagens em um ano letivo que se inicia.

“Ensinar não é transferir conhecimento, mas criar as possibilidades para a sua própria produção ou sua construção” (Paulo Freire).

image004 image005 image006